“A longo prazo, estaremos todos vivos”, diz Santander

Nos anos 60, a expectativa de vida média dos brasileiros era de aproximadamente 56 anos. Hoje, ela ultrapassa 73. E não estamos apenas vivendo mais, mas também estamos envelhecendo melhor. Ciente deste novo dado, e de que todos queremos um futuro financeiro tranquilo, o banco Santander aposta no crescimento de um de seus produtos: a previdência privada. Assim, o banco lançou uma campanha para seu plano de previdência com um conceito que inverte a famosa frase “a longo prazo, estaremos todos mortos” do economista britânico John Keynes.

Leia também: Santander meia bandeira – Easy Taxi

O objetivo do filme é fazer com que os mais jovens percebam que os aposentados de hoje em dia não são mais como os de antigamente, conhecidos por verem o tempo passar jogando dominó. Surfar, correr, namorar, nadar em um belo lago em meio à natureza, fotografar paisagens deslumbrantes… são “os jogos”  que os aposentados praticam no comercial  sob uma narrativa que ensina a jogar dominó. Uma ironia, claro.

A longo prazo, estaremos todos vivos

Acompanhe a narrativa do comercial do Santander

A peça do dominó é composta por duas pontas
Cada uma com um número variando de zero a seis
São distribuidas sete peças para cada participante
As peças deve ser colocadas nas extremidades do jogo
Uma ao lado da outra, com pelo menos um número “um”
Quando o jogador não tem nenhuma peça que encaixe a extremidade
Ele pode passar a vez
Ganha o jogador que consegue ficar sem peças na mão

A agência do Santander é a Talent.

botao-share-280